Perguntas frequentes sobre o IOEB

07 de Setembro de 2015 | Perguntas frequentes

798040f5bec4100d7009190702940d151.jpgQual a relevância do IOEB?
O IOEB identifica quanto cada cidade ou estado contribui para o sucesso educacional dos indivíduos que lá vivem. O Índice oferece os dados sobre a qualidade do ecossistema da educação para crianças e jovens de uma determinada localidade.

O que é o Ideb Adaptado?
O IOEB é um indicador das oportunidades educacionais dos municípios e o Ideb é um dos fatores que o compõe.

O Ideb é um indicar de desempenho dos alunos, o que significa que é determinado tanto pela qualidade da educação disponível (parte utilizada pelo IOEB) quanto pelas características individuais dos alunos (informações essas que não devem compor um índice de oportunidades educacionais). Para formular o IOEB, foi necessário isolar o fator da qualidade da educação e retirar o fator background do aluno. Para esse efeito, chamamos de Ideb Adaptado.

Qual a diferença entre o Ideb e o Ioeb?
Enquanto o Ideb está focado nas escolas e captura apenas os alunos que participam de alguma rede de educação, o IOEB usa o estado ou município como unidade de análise e captura os alunos de todas as redes e também aquelas crianças em idade escolar, mas que estão fora da escola.

Como usar o Ideb e o Ioeb juntos?
Aliando o IOEB, um indicador abrangente e que engloba todo o cenário da educação, com o Ideb, um indicador focado em cada uma das escolas de determinada localidade, tem-se uma visão geral quanto à educação oferecida por determinado município e insumos sobre quais são as reais fraquezas da educação oferecida por aquele município.

Por que é importante olhar para o município como um todo?
Olhar o município como um todo, significa observar todo o ecossistema da educação daquele município. Isso inclui todas as redes de educação e todas as crianças em idade escolar, mas que estão fora da escola; ou seja, todo o ambiente atingido pelas oportunidades educacionais daquele município.

Esse olhar geral sobre o município permite um maior controle social sobre as qualidades educacionais ofertadas.

O que são os arranjos educacionais?
É o compartilhamento de esforços, ações e informações entre diferentes atores da educação. Além de potencializar a utilização de recursos materiais e humanos, esse caminho tem resultado em maior conhecimento de gestão, por meio da troca de experiências, e em ganhos de escala nas relações com estados, governo federal, universidades e a iniciativa privada.

O que são oportunidades educacionais?
Oportunidades educacionais é todo o arcabouço ofertado pelo município ou estado capaz de contribuir para o sucesso educacional daquele indivíduo.

Quem fez o IOEB?

O Índice foi criado por Fabiana de Felicio e Reynaldo Fernandes, mesmo criador do Ideb. Ambos já trabalharam no Inep e hoje possuem uma constoria chamada Metas, com foco na elaboração e avaliação de políticas sociais. 
Hoje, o IOEB é gerido pelo CLP - Centro de Liderança Pública, organização sem fins lucrativos que desenvolve líderes públicos empenhados em promover mudanças positivas. 

Como faço para tirar dúvidas sobre o IOEB ou contribuir com o Índice?

Basta acessar o menu Contatos e deixar o seu recado.